Acabou

from by Câimbra

/

lyrics

Eu não quero aceitar
Eu não vou me conformar se esse cara ganhar
E poder ter poder, poder mandar
Mandar matar, mandar roubar
Mandar cagar
Ou acabar com o que sobrou de vontade
De tentar alguma coisa pra essa porra de lugar

É se atirar
Ou voltar, e continuar

Eu não falo em lutar
Não há luta
Não há culpa
E não é sua

De quem é a culpa?
Ninguém assume
Ninguém é cúmplice
Ninguém

Quando o mundo tá chato e sem inspiração
A gente lembra do que importa
E do que não tem volta

A resposta não importa
A pergunta só da voltas
E a gente se comporta
Engolindo revolta
Fechando as portas
Aceitando as derrotas
De foda em foda
Aliviado com a hora que passa
E com o dia, que termina

A luta não continua
A luta acabou e a gente perdeu
Começou perdida, rendida
Fadada à derrota

Bem infantil pra você entender

credits

from A MEMÓRIA É AGORA, released November 29, 2019
Produced by Câimbra.
Song written by Câimbra.
Lyrics by Gustavo McNair.

license

all rights reserved

tags

about

Câimbra Sao Paulo, Brazil

Câimbra is a Brazilian sludge/metal band from São Paulo.

contact / help

Contact Câimbra

Streaming and
Download help

Redeem code

Report this track or account